Restrospectiva 2017

Olá!

aniver_ifscJá é quase Natal! Este é o último post do blog deste ano e achei legal fazer uma retrospectiva do que vivenciamos em 2017, um período com um contexto político e econômico bem difícil para a Rede Federal. Apesar de tudo, faço uma avaliação positiva para o IFSC com muitas conquistas e desafios superados.

mariaclara_IFSC_diretora_Conif_2017Conif: Neste ano, além de atuar como reitora do IFSC, assumi a diretoria de Relações Institucionais do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, o Conif. Como diretora, meu papel principal foi fazer a articulação entre as instituições e acredito que tivemos avanços. Ao longo do ano, realizamos reuniões na Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica, a Setec, no Ministério da Educação, e também no Ministério do Planejamento. Nos aproximamos da Capes e dos parlamentares, em um ano em que conseguir emendas parlamentares para ações da Rede foi fundamental diante dos cortes orçamentários.

Aula-Inaugural-Mestrado-em-Rede-6Qualificação para servidores: Uma necessidade dos nossos servidores e que temos como prioridade na gestão é a qualificação. Entendemos que quanto mais capacitados forem nossos servidores, melhor conseguiremos atender alunos e comunidade. Além disso, diante da complexidade e especificidade da Rede Federal, estudar nossa estrutura e nossos processos é essencial para que possamos nos conhecer mais e ver como melhorar nossa atuação. Por isso, nos empenhamos para fazer parcerias e buscar oportunidades de capacitação para nossos servidores. Terminamos o ano com a parceria assinada com a Unisul para um curso de mestrado em Administração para nossos técnicos administrativos. Também tivemos a primeira turma do curso de mestrado profissional do Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional e Tecnológica, o ProfEPT. A aula inaugural foi em agosto e 24 servidores estão participando.

Ingresso: Neste ano, tivemos mudanças bem significativas nos nossos processos seletivos. Estamos sempre buscando tornar nossa instituição mais acessível a quem mais precisa dos nossos cursos. É necessário discutir as formas de ingresso no IFSC, pois precisamos inverter essa lógica da meritocracia e pensar pela lógica da oportunidade: temos que atingir as pessoas que possam ter suas vidas transformadas para que tenham condições de chegar ao mérito. Não podemos esquecer da nossa missão e a quem devemos atender. É por isso que decidimos manter a prova de classificação apenas para nosso Ensino Médio Técnico. Para os demais cursos técnicos concomitantes e subsequentes a seleção é por sorteio ou análise socioeconômica. Outra grande alteração foi o fim do nosso vestibular a partir de 2018.1. Agora, o ingresso nos nossos cursos de graduação ocorre apenas pelo Sistema de Seleção Unificada, o Sisu, que considera a nota do Enem. Foi uma decisão muito importante e um avanço. Poderemos priorizar nosso tempo, recursos e energia na organização e divulgação de um processo único. Também ficará mais fácil para a comunidade entender como funciona o nosso ingresso.

missao_EUA_conif_IFSCMissões Internacionais: Estive em março nos Estados Unidos em uma missão a convite da Northern Virginia Community College (Nova), participando de missão de representação do Conif. A Nova é a maior instituição de ensino público do estado da Virgínia e um dos maiores colleges dos Estados Unidos. Também é um dos colleges com mais estudantes internacionais nos Estados Unidos. Fizemos reunião de trabalho com os docentes, discutindo como melhorar o ensino de línguas nos institutos, tão necessário para a internacionalização. Debatemos ainda futuros projetos entre o Conif e a Nova. Entre as propostas estão qualificar professores e técnicos em língua inglesa, manter a parceria para qualificação de missao_portugalprofessores de inglês, formação de professores em disciplinas diversas e programa profissional em áreas administrativas ou de gestão. Em outubro também fui a Portugal para estreitar ainda mais a nossa relação com o Instituto Politécnico do Porto, o Instituto Politécnico de Beja e também o Instituto de Setubal, buscando mais oportunidades para estudantes e servidores. A nossa programação incluiu reuniões nos institutos com os diretores, encontros com nossos alunos que estavam fazendo intercâmbio por lá e também conversas com os orientadores dos projetos de pesquisa. Dessa missão já temos um desdobramento de um programa na Holanda, com a participação da professora do Câmpus Florianópolis, Débora Brentano.

 

Recredenciamento: Neste ano, o IFSC passou pelo processo de recredenciamento junto ao MEC como instituição de ensino superior. Avaliadores do Inep visitaram os câmpus Tubarão, Garopaba, Joinville, Jaraguá do Sul – Rau e São Carlos. Também foram avaliados os câmpus Florianópolis e Florianópolis – Continente. Ficamos felizes com o retorno dos avaliadores que destacaram a organização do IFSC, fruto do trabalho coletivo e da articulação entre reitoria e câmpus. Nosso conceito da avaliação institucional foi 4!

 

Prêmio IFSC de Inovação: A primeira edição do prêmio foi muito boa! A ideia foi reconhecer iniciativas inovadoras de servidores, tanto em sala de aula quanto em práticas de gestão. O projeto “Novo processo de gestão jornalística da IFSCTV: capacitação dos comunicadores dos câmpus e reformulação da linguagem visual como forma de ampliar o compartilhamento de conhecimentos”, dos servidores Giovana Perine e Bernardo Gomes, da Diretoria de Comunicação na Reitoria, foi o vencedor na categoria “Gestão”. Já na categoria Sala de Aula o primeiro lugar ficou com o projeto “Material inclusivo para cegos no ensino de parasitologia e promoção à saúde”, dos servidores Marcelo Alberto Elias e Hagar Tibúrcio de Oliveira, do Câmpus Gaspar. O mais interessante foi vermos a quantidade de projetos inovadores que temos na nossa instituição. E que venha a próxima edição para motivar ainda mais nossos servidores a usarem a inovação em prol da instituição.

 

IFSC_encontro_estudantes_abril2017_reduzidaEncontros Estudantis: Tivemos vários encontros dos representantes estudantis dos nossos câmpus ao longo do ano e consegui estar presente em alguns, trocando ideias com nossos alunos. Acredito que avançamos muito nesse ponto, o que é muito bom, já que a nossa instituição se movimenta a partir da demanda dos alunos e não temos sentido sem a energia deles. Somos fortes, porque temos alunos fortes e estamos unidos, lutando juntos em prol de uma educação de qualidade, assim sempre podemos avançar!

 

visita_xxeViagens: Visitei todos os nossos câmpus neste ano, alguns fui por diversas vezes. Sempre busquei me reunir com alunos e servidores e as temáticas que estiveram bastante em pauta foram permanência e êxito, sustentabilidade e inovação.

 

blog_ambientacao_oesteNovos servidores: Apesar do contexto econômico desfavorável, conseguimos neste ano fazer um concurso público para preencher vagas que serão fundamentais para nosso funcionamento. Além disso, realizamos as ambientações para recepcionar nossos novos servidores. Valorizamos muito esse momento de entrada de novos profissionais para que eles se sintam acolhidos para nossa instituição e tenham a clareza do seu papel para concretizarmos nossa missão.

 

foto_link_codirAprovação de novos cursos: Tivemos a aprovação de 17 novos cursos técnicos, três novos cursos de graduação, quatro cursos de pós-graduação em nível de especialização, dois novos mestrados, três cursos Certific, um novo curso Proeja e 33 cursos de qualificação profissional, atendendo às demandas dos câmpus em todas as regiões onde atuamos.

 

jifsc2017_blogreitora_2-300x225Eventos: Realizamos os nossos principais eventos com grande sucesso: em setembro, o Seminário de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação (Sepei) reuniu, no Câmpus Itajaí, 1,1 mil participantes, entre servidores, alunos e membros da comunidade externa, com o tema “Mundo Profissional e Educação para o Trabalho”. Foram apresentados 310 trabalhos científicos e mil avaliações distribuídas em 22 bancas. Ainda, foram ofertadas 15 oficinas, quatro minicursos e quatro roteiros culturais. Pela primeira vez, os Jogos Internos do IFSC (JIFSC) reuniram alunos de todos os câmpus do IFSC, em junho, no Sesi, em Blumenau, tendo o Câmpus Gaspar como anfitrião. Foram momentos de muito aprendizado, em que os alunos e servidores de todos os câmpus puderam confraternizar e o público externo pôde conhecer o que temos de melhor.

 

Orçamento: Por mais um ano, tivemos contingenciamento orçamentário, que comprometeu fortemente nossos investimentos e parte do custeio. O corte orçamentário atingiu toda Rede Federal de Educação Profissional, que recebeu recursos em um total semelhante a 2012, porém, com o dobro de alunos matriculados. Os cortes motivaram a publicação de uma nota pelo Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif). Apesar dessas dificuldades, continuamos realizando melhorias nos câmpus e mantendo a qualidade da oferta dos nossos cursos.

 

Apoio parlamentar: como já citado acima, trabalhamos fortemente em busca de apoio da bancada federal catarinense! Foi uma ação conjunta com o IFC que resultou na inclusão de uma emenda coletiva da bancada catarinense no valor de R$ 50 milhões. Sabemos das dificuldades de liberação, tendo em vista que não é uma emenda impositiva, mas vamos trabalhar muito para conseguirmos esse recurso tão necessário ao pleno funcionamento do IFSC.

 

embrapii_polo_IFSCPolo de Inovação: Tivemos uma grande conquista este ano na área da pesquisa e inovação. O IFSC foi um dos quatro institutos federais selecionados para receber o Polo de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii). O polo está instalado no Câmpus Florianópolis e desenvolverá projetos na área de sistemas de energia.

SIGA-A: o ano de 2018 vai começar de modo muito positivo pois vamos implantar, de modo pleno, o nosso novo sistema acadêmico, que faz parte do planejamento institucional e foi preparado durante os três últimos anos. Trabalhamos intensamente neste ano para fazer a customização do sistema de acordo com nosso regulamento didático-pedagógico e depois para migrar os dados. Sabemos que toda mudança gera apreensão, mas temos a certeza de que o novo sistema vai facilitar a vida dos alunos e melhorar a gestão. É uma necessidade e um grande avanço para o IFSC contar com um sistema que permite todo gerenciamento acadêmico on-line e o acesso da nossa comunidade de modo seguro e direto. A partir do ano que vem, todos os nossos estudantes terão acesso a um novo Portal do Aluno. Essa mudança é resultado da implantação do SIGA-A.

Portal do IFSC: Também iniciaremos 2018 com nosso novo portal, importante ferramenta de divulgação e interação com a comunidade acadêmica e toda sociedade! São importantes conquistas do IFSC obtidas com muito trabalho e dedicação de nossos servidores!

Novas obras e reformas: Apesar do contexto orçamentário difícil conseguimos executar 22 licitações de obras/reformas na modalidade Regime Diferenciado de Contratação (RDC), destacando-se os novos blocos de sala de aula e laboratórios dos câmpus Xanxerê, Tubarão, Criciúma e Jaraguá do Sul-Rau, galpão de Lages, e quadra de Jaraguá do Sul! Além disso, implantamos, com recursos de emendas e da Setec, usinas fotovoltaicas para captação de energia solar em três câmpus do IFSC. Ano que vem queremos ampliar esse programa!

inauguracao_araranguaAlimentação escolar: Para atender as necessidades de nossos estudantes inauguramos o refeitório do Câmpus Araranguá e estamos licitando a concessão da cantina do Câmpus Lages com fornecimento de lanche para os estudantes em situação de vulnerabilidade social. Em 2018 vamos licitar outros projetos pilotos para alimentação, atendendo os alunos que mais precisam.

Então, nesse final de 2017, agradeço mais uma vez o compromisso de todos que atuam pelo crescimento de nossa instituição. Trabalho coletivo que faz uma grande diferença na busca de uma sociedade mais justa e mais igualitária! A educação transforma!

Entro em férias e retorno no final de janeiro. Desejo um bom final de ano para todos e que tenhamos um 2018 muito bom! Abraços!

cartao-natal_1

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.