Consup e Conif

Olá!

blog_consupNa segunda-feira, tivemos a última reunião do ano do nosso Conselho Superior, o Consup. Aprovamos dois cursos de ensino médio técnico no Câmpus Garopaba, um em Administração e outro em Informática. Também foram referendadas as resoluções que autorizam duas propostas de programas de mestrados, submetidos a Capes. Veja aqui a notícia completa no portal do IFSC.

Também tivemos a apreciação das propostas de atualização do Regulamento Didático Pedagógico do IFSC. O RDP, aprovado em dezembro de 2014, previa ajustes depois de dois anos de implantação para atender ao avanço da nossa instituição e as adequações necessárias ao nosso funcionamento. Nesse momento em que estamos fortemente inseridos no processo de implantação de um novo sistema acadêmico, essa atualização é imprescindível. Destaco aqui que todo processo foi encaminhado de modo participativo e coletivo, com reuniões e análises de modo a envolver todos os atores acadêmicos. Não conseguimos finalizar a apreciação que deve ficar para a primeira reunião do ano que vem, assim como as demais pautas.

Como não vencemos a pauta dessa última reunião, algumas questões deverão ser resolvidas com resoluções ad referendum. Destaco aqui que o Consup pode ser mais efetivo na apreciação das pautas, tendo em vista que temos uma estrutura de fóruns de discussão coletiva que atua de modo democrático. Infelizmente, as discussões têm sido mais políticas do que institucionais e técnicas. Precisamos melhorar para que o IFSC siga avançando!

Assista aqui a gravação da reunião feita pela IFSCTV.

Conif

blog_conifEsta semana, estivemos em Brasília para a 80ª reunião do Conif. Tivemos apresentação do Fórum de Gestão de Pessoas do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, o Forgep, com uma análise das inconsistências da Portaria 109, que trata do provimento e contradiz os decretos de organização de banco docente e quadro de técnicos-administrativos. Debatemos a questão e fizemos encaminhamentos.

A Política de Comunicação do Conif foi lançada durante este encontro. O documento traz um complexo de diretrizes e princípios necessários para fortalecer a comunicação institucional, conectando o Conif e a Rede Federal com a sociedade. A Política foi construída coletivamente, sendo que a nossa Diretoria de Comunicação colaborou nesta elaboração a partir da experiência da criação e implantação da Política de Comunicação do IFSC.

Elegemos a nova diretoria do Conif para 2018. O reitor do Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM), Roberto Gil Rodrigues de Almeida, é o novo presidente. Na votação, os conselheiros também definiram os novos integrantes da diretoria executiva do Conif: Sérgio Teixeira (Ifal) passa a ser o novo vice-presidente. Já Carla Jardim (IFFar) ocupará o cargo de diretora de relações institucionais. O diretor financeiro da nova gestão será Uberlando Leite (Ifro), e o novo diretor administrativo passa a ser Luiz Simão Staszczak (IFMS). A nova diretoria dará continuidade às ações em desenvolvimento no Conif. Na sequência, debatemos o planejamento estratégico, metodologia e implementação.

blog_reuniao_mestradoTambém participei de uma reunião com a secretária da Setec, Eline para tratar da nova turma do mestrado em rede em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT). Temos uma previsão de 820 vagas distribuídas em 36 polos! Estamos discutindo os recursos necessários para essa ação fundamental para qualificação dos servidores da nossa rede.

Nota de Repúdio

Veja aqui a Nota de Repúdio emitida pelo Conif contra o tratamento destinado aos dirigentes públicos. A nota foi motivada pelas operações policiais contra dirigentes de universidades públicas, claros ataques generalizados contra as instituições públicas de ensino e, principalmente, contra os gestores eleitos democraticamente pela comunidade acadêmica e dedicadas à promoção da educação pública, ética e cidadã.

Até a próxima semana!

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.