Fortei e reuniões

Olá!

Nesta semana, viajei para a serra para participar da abertura do Fórum de Empreendedorismo, Tecnologia e Informação, o Fortei, promovido pelo Câmpus Lages do IFSC e também aproveitei para visitar o Câmpus Urupema. A abertura foi na terça-feira e foi muito bacana.

abertura_forteiNos deixa muito felizes ver um câmpus consolidado como é o de Lages e ver que ele já está atuando na missão de desenvolver a região e ajudar as pessoas. Tivemos a entrega de prêmios e homenagens a servidores e empresa que se destacaram no trabalho e articulação do câmpus.

Além de participar do evento, me reuni com alunos e servidores tanto de Lages quanto de Urupema como sempre temos feito em nossas viagens aos câmpus. Com os estudantes, tratamos do contexto atual e das dificuldades que temos enfrentado em relação, principalmente, ao nosso orçamento e às questões de permanência e êxito e assistência estudantil.

reuniao_alunos_2Falamos ainda sobre os desafios do IFSC na relação com a comunidade e da transformação que podemos provocar na vida das pessoas e nas cidades. No Câmpus Urupema, tanto na reunião com servidores como com os alunos, tratamos das dificuldades do câmpus, da oferta dos cursos e da fixação dos alunos e servidores. Vamos criar um grupo de trabalho que vai analisar essa conjuntura e propor programas e projetos inovadores para que o câmpus atenda cada vez mais e melhor a região e as pessoas.

Também estive no Câmpus Araranguá onde também participei de encontros com alunos e servidores tratando das mesmas temáticas. Com os docentes conversamos sobre a necessidade de dar publicidade aos horários e dos impactos das ações da CGU e do MPF na instituição. Com os alunos conversamos sobre a implantação do programa de alimentação escolar, uma demanda importante que estamos estudando de que forma atender, tendo em vista os cortes orçamentários sofridos pelo IFSC. Nesse sentido, estamos trabalhando para o melhor atendimento, mesmo que não seja de forma universal.

Outros assuntos:

ambientacao_continente– Ambientação: Na segunda-feira, participei de mais ambientação dos alunos do Câmpus Florianópolis-Continente, que foi feita coincidindo com a oficina de processos da gestão. Estava uma delícia!

– Graduação: Estão abertas as inscrições para nossos cursos de graduação com início no segundo semestre deste ano. São 843 vagas em cursos presenciais e a distância em 16 cidades de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio Grande do Sul. O prazo de inscrição termina em 11 de junho. Todas as informações estão no nosso site. Lembro que este será nosso último vestibular, já que a partir do ano que vem a seleção para cursos de graduação será exclusivamente pela nota do Enem.

– FIESC: Hoje de manhã tive uma reunião com o presidente da FIESC, Glauco José Côrte, para tratar da proposta do IFSC em ser polo de inovação Embrapii. Estamos finalizando o projeto na área de energia e, se aprovado, será um importante fator de desenvolvimento não só do IFSC, mas das indústrias de Santa Catarina. Temos o apoio da federação e estamos articulando outros apoios necessários para tal projeto.

visita_reitor_arequipaVisita: Recebemos nesta sexta-feira a visita do reitor da Universidad Nacional de San Agustín de Arequipa (UNSA), Perú, doutor Rohel Sánchez Sánchez. Falamos sobre as possibilidades do IFSC e da UNSA estabelecerem parcerias e intercâmbio, especialmente nas áreas de Agrarias, Gastronomia e Tecnologias.  Foi um momento muito positivo, de trocas e integração, com as instituições começando um processo de articulação.

E quem acompanhou os noticiários nesta semana deve ter visto o incidente com um aluno nosso do Câmpus Araranguá que participou das manifestações em Brasília. O Vitor é nosso estudante do curso de Física e foi ao ato integrando movimentos estudantis que se organizaram para tanto, sem vínculo institucional. Lamentamos o ocorrido e nos solidarizamos com o aluno, familiares e amigos. Já prestamos apoio psicológico à família e faremos o mesmo ao aluno quando ele retornar ao câmpus. Importante ressaltar nesse momento difícil que deve prevalecer o nosso espírito humanitário em compreender a dor, independentemente de posições políticas.

E na semana que vem temos os nossos jogos, o JIFSC, em Blumenau. Já estamos ansiosos por este momento de integração dos nossos alunos.

Até mais!

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.