Foto: Assessoria de Comunicação do Conif

Conif e Codir!

Olá!

Nesta semana, tivemos as últimas reuniões do ano do Conif e do Codir!

Tivemos eleição da nova diretoria do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) para 2017, e farei parte da nova composição como diretora de Relações Institucionais.

Fazem parte comigo na chapa “União e fortalecimento da Rede EPT”, eleita na terça-feira, em Maceió, Alagoas, o reitor do Instituto Federal do Maranhão (IFMA), Francisco Roberto Brandão Ferreira, eleito presidente; Roberto Gil Rodrigues de Almeida, vice-presidente; Wilson Conciani, diretor Administrativo, e Cláudio Alex Jorge da Rocha, diretor Financeiro.

Entre as ações que pretendemos implementar, está o Planejamento Estratégico do Conif, o Plano de Desenvolvimento da Rede Federal, intensificar as relações com agências de fomento, ampliar cooperações internacionais e planejar novos programas de qualificação para os servidores, a exemplo do Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT). Também pretendemos ter o diálogo prioridade em nossa gestão, seja com o Governo, com estudantes e servidores. Um grande desafio para todos nós, avançar e fortalecer nossa Rede.

Na reunião Conif também elaboramos ofícios para os ministros da Educação e do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão com nossa posição sobre os descontos relativos à greve, da dificuldade em fazermos esse desconto já imediatamente, tendo em vista a complexidade da situação. Compartilho aqui os ofícios.

Representantes do Sinasefe nacional estiveram presentes na reunião Conif e fizeram relatos da conjuntura do movimento nacional.

A gestão do IFSC encaminhou um ofício ao Sinasefe de Santa Catarina para que seja feito um acordo de reposição para servidores que paralisaram. Ressaltamos que a reposição deve ser feita a partir do acordo coletivo, e não individual ou por câmpus. A reunião está marcada para quarta-feira, dia 14, com a coordenação do Sinasefe para tratarmos da reposição dos dias relativos à paralisação de 25 a 30 de novembro.

Na reunião do Conif também tratamos da proposta de uma rede de laboratórios de inovação aberta. Uma proposta muito importante que vamos encaminhar ano que vem! Compartilho aqui apresentação do professor Luciano Toledo, do Ifes.

Codir

Na segunda-feira tivemos a última reunião do ano do nosso Colégio de Dirigentes (Codir). Tratamos da reposição das aulas nos câmpus que foram ocupados pelos alunos e que tiveram aulas suspensas. É necessário que se cumpra 100 dias letivos para os cursos técnicos integrados e os superiores. A Pró-Reitoria de Ensino está orientando os câmpus sobre a melhor forma de proceder em cada caso.

SIGAA – Tivemos durante a reunião do Codir a apresentação sobre a implantação do SIGAA, o nosso novo sistema acadêmico. Foi realizado o projeto piloto com os cursos de graduação do Câmpus Florianópolis e, após adequações, será implantado em todo o IFSC. A equipe de implantação do IFSC e a empresa responsável estão fazendo as adequações e customizações necessárias para realização dos testes e implantação. Essa é uma prioridade institucional e que está sendo conduzida com muita competência! Nossa meta, agora, é que todos os cursos técnicos e de graduação estejam no SIGAA até o segundo semestre de 2017.

EaD – Durante o Codir, aprovamos diretrizes de oferta para cursos de educação a distância, um grande avanço para a nossa instituição! A intenção é orientar os câmpus na elaboração das suas ofertas, no atendimento aos estudantes e estabelecer um padrão de qualidade para os cursos ofertados. Também precisamos debater a melhor forma de viabilizar a oferta de 20% das disciplinas de nossos cursos nessa modalidade. Para isso, necessitamos pensar em novas formas de fomento e capacitar servidores dos nossos câmpus para atuar com as ferramentas da EaD. No Codir também foram apresentadas as avaliações do SEPEI e Jifsc e discutidas algumas propostas de datas e locais para ano que vem, assim como algumas alterações na formatação dos eventos. Sempre podemos melhorar atendendo às expectativa dos alunos e servidores.

Mestrado Profissional – Uma ótima notícia: a Capes aprovou a nossa oferta de Mestrado Profissional em Engenharia Elétrica, feita pelo Departamento Acadêmico de Eletrotécnica do Câmpus Florianópolis, juntamente com nossa Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação! Parabéns ao envolvidos por essa importante conquista. Sabemos do nível de exigência da Capes e também do empenho dos nossos servidores para alcançar a nota necessária para aprovação. Muito orgulho! Saiba mais sobre o mestrado aqui.

Até a próxima semana!

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.