Visita à Alemanha

Olá!

visita_alemanha_editada1Esta semana, estou na Alemanha, conhecendo melhor a educação profissional, conceitos, regulamentação e experiências práticas com foco na área de energias renováveis. A missão é organizada pela agência de cooperação alemã GIZ (Deutsche Gesellschaf für Internationale Zusammenarbeit).

visita_alemanha_editada_2A delegação é composta pela diretoria do Conif, reitores, pró-reitores e diretor dos institutos federais, representantes do Senai, da Associação Brasileira de Geração Distribuída, da Universidade de Brasília, diretoria da Fatec, secretária e diretores da Setec. Começamos pela cidade de Bonn, onde conhecemos o Instituto Federal de Educação Profissional BIBB (Bundesinstitut für Berufsbildung), órgão federal que regulamenta e organiza a educação profissional alemã. Visitamos também, nessa cidade, a Irena (International Renawable Energy Agency).

visita_alemanha_editada3No roteiro estivemos ainda nas cidades de Bremerhaven, Aachen, Colônia, Obersauhen e Trier, visitando e conhecendo instituições, escolas e universidades que atuam na educação profissional, assim como empresas e centros de pesquisa que não só capacitam e certificam, como atuam fortemente no sistema de ensino dual. Nesse sistema, além das competências teóricas, os alunos se desenvolvem e aprendem, na prática, as profissões.

Na cidade de Trier, estivemos na Câmara de Indústria e Comércio Trier (Industrie und Handelskammer), que atua como certificador das profissões, com sistemas de exames nacionais, integrando todos os atores, sindicato dos trabalhadores, sindicato patronal, professores, e na formulação de competências. As certificações profissionais são imprescindíveis para a atuação profissional na Alemanha. Confira aqui a programação completa com detalhamento das visitas!

visita_alemanha_editada4Foi muito produtiva a missão e, com certeza, teremos muitas possibilidades de desenvolvimento, de parceria e de articulações, principalmente na área de energias renováveis. Nosso país possui potencial enorme nessa área e poderemos atuar em pesquisa, inovação, capacitação e qualificação.

Quero compartilhar essa experiência no IFSC, debatendo e discutindo com nossos educadores a melhor formação em nível técnico, tecnológico, de especialização e pós-graduação para nossos alunos, atendendo à plena  formação profissional.

Destaque no Enem

orgulhoifscEsta semana é de comemoração! O Ministério da Educação divulgou as notas do Enem de 2015 das escolas que oferecem ensino médio integrado à educação profissional e tivemos uma excelente notícia: quatro câmpus do IFSC ficaram entre as 10 melhores médias entre as escolas públicas de Santa Catarina, o Câmpus Florianópolis (1º), Joinville (2º), Chapecó (5º) e São José (8º). Outros câmpus do IFSC que aparecem na lista do Enem são São Miguel do Oeste (12º) e Araranguá (16º).

Este é o segundo ano consecutivo em que um câmpus do IFSC fica com a melhor nota entre as instituições públicas de Santa Catarina no Enem. No ano passado, o Câmpus Joinville que ficou em primeiro. Muito orgulho, satisfação e gratidão em termos esses resultados! Parabéns a todos os servidores e alunos envolvidos nessa conquista!

Ocupações nos câmpus

Acompanhei as mobilizações a distância, muito preocupada e procurando me inteirar dos acontecimentos. Recebi muitos questionamentos dos alunos por meio de mensagens de whatsapp, e-mail, com dúvidas sobre a situação acadêmica e estudantil. Estou sempre à disposição e, ainda bem que as ferramentas de comunicação nos ajudam muito nessa interação. Continuam as ocupações nos Câmpus Araranguá, Chapecó, Florianópolis, São José e Xanxerê.

Essa semana iniciou a ocupação no Câmpus Palhoça. Nesse câmpus tivemos alguns momentos de tensionamento, o que nos preocupou bastante. A nossa diretora executiva, Silvana Lisboa, esteve acompanhando bem de perto a situação, dialogando com os alunos, para que tenhamos segurança institucional e sem riscos para alunos e servidores.

Está garantida a realização das provas do Enem no próximo final de semana, dias 5 e 6 de novembro, em todos os câmpus do IFSC que são sede, mesmo nos que estão ocupados. As negociações ocorreram para que não tivéssemos prejuízo para muitos estudantes.

Mais uma vez, reiteramos nossa posição de respeito ao movimento estudantil legítimo e destacamos que a Reitoria e as direções dos câmpus estão acompanhando de perto as ocupações, a fim de garantir a segurança dos estudantes, dos servidores e da instituição, assim como a manutenção do atendimento à população. Saiba mais sobre as ocupações aqui.

Últimos dias para avaliação – Termina dia 11 de novembro o prazo para participar da autoavaliação institucional. Alunos de cursos presenciais e servidores podem acessar a página da Comissão Própria de Avaliação (CPA) e responder ao questionário. Cada câmpus terá avaliação própria, a partir das CPAs locais. A avaliação é importante para avaliar o cumprimento da nossa missão institucional e contribuir para nosso processo de planejamento.

Veja como participar aqui.

Até a próxima semana!

 

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.