Mestrado em rede

Olá!

IMG-20160804-WA0010Na volta das férias, recebemos uma ótima notícia, a aprovação pela Capes do mestrado profissional em rede proposto pelo Conif. Denominado Prof EPT, será destinado a professores e técnicos-administrativos dos institutos federais, com linhas de pesquisa voltadas à educação profissional e tecnológica. O IFSC será um dos 18 polos do mestrado e nossos professores fazem parte do corpo docente. A Capes autorizou 400 vagas, porém as instituições associadas farão análises para definir o número do primeiro ingresso com início em 2017 e processo seletivo ainda em 2016.

Essa é uma proposta de qualificação para todos os nossos servidores, uma vitória conjunta do IFSC e demais instituições proponentes. Trabalhamos durante mais de três anos com reuniões e articulações para concretizar esse sonho de ofertar um mestrado em rede. Finalmente a Capes reconhece nosso potencial como pesquisadores e formadores em EPT! Fiquei muito feliz pois trabalhamos arduamente e sabemos da necessidade e expectativa de nossos servidores em poder se qualificar!

Ponto eletrônico

A partir deste mês de agosto, todos os câmpus do IFSC estão funcionando com o sistema de registro de frequência eletrônico. Os câmpus puderam optar pelo ponto biométrico ou pelo Sistema SIG-RH Frequência. Este será ainda um mês de ajustes, de melhorar alguns procedimentos.

O novo SIG – RH Frequência é um avanço, pois elimina a utilização de papel e diminui a burocracia. Depois do processo de implantação vamos ajustar o Sistema para integrar ao ponto biométrico.

A adoção dessa medida foi discutida no Colégio de Dirigentes (Codir) e atende recomendações do Ministério Público Federal (MPF) e da Controladoria Geral da União (CGU). Representa, para nós, segurança e estabilidade no controle de frequência de nossos Taes e isonomia entre os 22 câmpus, pois não podemos admitir que alguns câmpus deixem de fazer o controle de frequência eletrônico enquanto os outros o fazem.

Solicito que os câmpus que estão no processo de implantação e ajustes que tenham tranquilidade e atenção para que tudo fique melhor e mais seguro para todos.

Outros assuntos

maria_fiescEncontro com ministro: durante as minhas férias, participei do encontro com o ministro da Educação, José Mendonça Bezerra Filho, dia 19 de julho, na Fiesc. Ele veio ao Estado para conhecer o Movimento SC pela Educação, do qual faço parte do Conselho de Governança. Durante o encontro, conversamos sobre a dificuldades enfrentadas pelos institutos, especialmente os cortes IMG_3836orçamentários na assistência estudantil. Ele se mostrou sensível ao problema e ressaltou que o IFSC é referência entre os demais institutos, mostrando disposição em apoiar e ajudar a nossa rede.

palhoca_baixaPedagogia Bilíngue: tivemos uma reunião esta semana com o chefe do Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão do Câmpus Palhoça Bilíngue, Paulo César Machado, para tratar sobre o curso de Pedagogia Bilíngue. Foi decidido que, devido à complexidade do curso, a primeira oferta será presencial, com 40 vagas no câmpus, a partir de 2017. Agora, serão feitos os ajustes à proposta inicial, que era de ofertar o curso na modalidade a distância. É um projeto muito ousado e inovador com uma forte inclusão e dessa forma sabemos da complexidade em fazer essa oferta. Parabenizo o câmpus e estamos sempre à disposição para apoiar e ajudar no que for necessário. Obrigada pelo trabalho e atuação dos servidores que tem se empenhado para a consolidação do nosso campus Palhoça Bilíngue.

doacao_sangue_reitoria-500x281Doação de sangue: Na semana passada, os servidores da Reitoria e do Câmpus Urupema fizeram uma campanha de doação de sangue para o Hemosc. Parabenizo a iniciativa dos servidores que doaram e participaram desse ato de solidariedade. A ação faz parte do programa do IFSC Sustentável.

Cortes nas bolsas do CNPq: recebemos com preocupação a notícia de cortes nas bolsas de pesquisa pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Apesar da boa avaliação dos nossos projetos, o Conselho determinou os cortes. Infelizmente temos que gerenciar essa situação difícil para todas as instituições. Veja a nota sobre o assunto aqui.

Emendas parlamentares: foi aprovada a emenda parlamentar do deputado federal Jorge Boeira (PP) para o Câmpus Tubarão. Investimento necessário para iniciar a construção do segundo bloco do câmpus. Ressalto também que as emendas dos deputados Pedro Uczai (PT) e Decio Lima (PT)já estão sendo executadas para os câmpus São Miguel do Oeste e Itajaí. Importante essa articulação para que possamos, principalmente em tempos de cortes, continuar investindo no IFSC.

Bom fim de semana e boas férias para quem ainda está curtindo o merecido descanso! Até a próxima semana!

Fotos da reunião com o ministro: Assessoria de Comunicação da Fiesc

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.