Anuário estatístico e harmonização dos currículos

consup2302-blogNa primeira reunião do Conselho Superior deste ano, que aconteceu segunda-feira, tivemos a apresentação do Anuário Estatístico 2015, que apresenta os dados do IFSC em 2014. Esse é um trabalho muito importante para a instituição, pois é uma ferramenta de gestão que permite nos conhecermos, para sabermos onde precisamos melhorar e como podemos avançar.

Com o anuário, temos dados muito consistentes e confiáveis, com os quais podemos trabalhar para definirmos como alcançar os objetivos da instituição. É um trabalho importante também por sua forma de desenvolvimento, que envolve todos os câmpus, por meio dos servidores responsáveis pelo registro acadêmico, e quando atuamos em rede sempre somos mais fortes.

O anuário está disponível para consulta aqui e traz dados bastante interessantes, como o crescimento no número de matrículas, que chegou a 33.568 em 2014, um acréscimo de 5.000 em relação a 2013. Além dos números acadêmicos – como matrículas, cursos, formandos – o documento traz também informações socioeconômicas dos alunos e dados sobre a distribuição da carga horária das atividades docentes.

harmonizacao_curriculosE na terça-feira participei do primeiro encontro da harmonização curricular. É muito importante construir esse processo de modo coletivo, debatendo e encontrando caminhos para constituir diretrizes comuns à instituição, pois precisamos ter uma identidade única.

A harmonização é uma necessidade da instituição, pois já estamos com 22 câmpus e precisamos ter uma base curricular comum para os mesmos cursos ofertados em diferentes câmpus. Para isso, é necessário entender o que é cada curso e de que forma podemos harmonizar seus currículos respeitando as peculiaridades regionais. A harmonização já está prevista tanto no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) quanto no Regulamento Didático-Pedagógico (RDP) e vamos trabalhar coletivamente na construção desse processo.

Outros assuntos:

  • posse conif2Conif: na reunião do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica tratamos de questões importantes para nossa rede, tivemos a posse da nova diretoria e inauguração da nova sede. A nova diretoria é presidida pelo reitor do IFRN, Belchior de Oliveira Rocha e fazem parte da diretoria os reitores Marcelo Bender Machado (IFSul), como vice-presidente, Jerônimo Rodrigues da Silva (IFG), diretor administrativo, e José Bispo Barbosa (IFMT), diretor financeiro. A inauguração da nova sede também é uma conquista importante. Ela foi adquirida em 2011 e totalmente reformada para atender às necessidades do Conselho, com espaço para reuniões do pleno e também para reuniões dos fóruns. Também discutimos as dificuldades em não termos ainda nosso orçamento aprovado. A liberação parcial de custeio tem nos preocupado, pois não atende nosso funcionamento pleno. Esperamos que o Congresso aprove o quanto antes para que possamos colocar em prática nosso planejamento.
  • Reunião com o secretário: esta semana também me reuni com o secretário de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, Marcelo Feres, para tratar da questão dos recursos do Pronatec, que ainda estão pendentes, e a questão da liberação dos códigos de vagas de docentes previstos em nosso banco. Sabemos das dificuldades do início da gestão, mas precisamos de solução urgente para essa situação.
  • novo-video2Novo vídeo institucional: hoje lançamos o nosso novo vídeo institucional, que traz dados atualizados sobre a nossa atuação. O vídeo pode ser assistido clicando aqui.
  • Ubes: recebi a presidente da União Brasileira de Estudantes Secundaristas, Bárbara Melo, que veio agradecer nossa participação no Encontro Nacional de Escolas Técnicas e pedir apoio para as jornadas de grêmios que estão programadas para acontecer em 2015.
  • Câmpus São José: também recebi a direção do Câmpus São José, para tratar sobre o setor de saúde do câmpus e também de como precisamos superar as dificuldades que temos em relação ao Siass (Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor) e aos recursos humanos para o atendimento da saúde do nosso servidor.
  • igluIGLU: na semana passada, um grupo de servidores do IFSC viajou para o Canadá para o estágio final do Curso IGLU Brasil 2014 para Dirigentes Universitários. O curso é voltado para gestores das instituições de educação superior públicas e privadas brasileiras. Essa etapa final é uma ótima oportunidade para melhorarmos nossos processos por meio da troca de experiências e da vivência em outro país.

E amanhã participarei das formaturas do Câmpus Florianópolis. Parabéns a todos os formandos e um bom final de semana a todos!

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.