Posse, visitas e reuniões

Boa tarde!

SONY DSCNesta quinta-feira, tivemos mais uma posse de novos servidores no IFSC. A partir do ano que vem, mais 79 servidores passam a integrar a nossa equipe. Continuamos em crescimento e, para isso, precisamos nos estruturar, investindo em recursos humanos.

A cada nova posse, sabemos que estamos melhorando nesse sentido e esperamos que os novos servidores entrem com a garra e o comprometimento que tanto precisamos para continuar sendo um instituto de referência em nível nacional.
Somos uma instituição que acredita que a educação pode transformar vida das pessoas e do País. Estamos em cidades que nunca tiveram oportunidade de ter uma instituição federal como a nossa e isso reforça ainda mais nosso compromisso social.

Sejam muito bem-vindos! Esperamos que se apropriem do IFSC, entendam nosso papel – que é diferente das universidades -, compreendam a nossa atuação e nos ajudem a cumprir nossa missão.

Visitas

Viajei para Araranguá na segunda-feira para uma reunião com os gestores e servidores do câmpus, que apresentaram suas demandas. O encontro foi muito bom!

visita_araranguaTive a oportunidade de visitar uma sala de aula com alunos de um projeto muito especial, que fazem nosso curso de serigrafia pelo Pronatec. É emocionante ver que, por meio do Pronatec, atingimos realmente um público que pode mudar sua condição social a partir do estudo.

Também me reuni com o prefeito do município, Sandro Roberto Maciel. Tratamos da expansão do câmpus e da possibilidade de conseguirmos um outro terreno na cidade.

visita_tubaraoAproveitei a viagem para visitar as obras do Câmpus Tubarão. Fiquei contente com o andamento das obras . A previsão é que o câmpus fique pronto já no primeiro semestre de 2014.

Reuniões

Nesta semana, tivemos a última reunião do Colégio de Dirigentes, que reúne todos os diretores-gerais dos câmpus. Falamos sobre o projeto de alimentação escolar, que vamos iniciar no ano que vem. Devemos começar com um projeto-piloto no Câmpus Araranguá, que já possui uma estrutura, para depois expandir para os demais câmpus que demonstrarem interesse.

Aprovamos também o calendário de ingresso e o calendário  de reuniões do Codir para ano que vem. Combinamos que faremos pelo menos duas reuniões em outras cidades que não Florianópolis, justamente para ficarmos mais próximos dos câmpus. Ainda discutimos sobre a necessidade do Codir estar mais próximo também dos servidores, com o compartilhamento das discussões que temos neste espaço.

reuniao_alunos_fpolisMe reuni também na quarta com representantes do Grêmio Estudantil e dos Centros Acadêmicos dos cursos de graduação de Engenharia Elétrica, Engenharia Civil, Gestão de Tecnologia da Informação e Engenharia Mecatrônica do Câmpus Florianópolis. Os alunos fizeram vários questionamentos sobre o atraso no pagamento de bolsas e o valor do Restaurante Estudantil previsto para ser construído no câmpus.  Expliquei sobre o funcionamento do sistema do Ministério da Educação, que reteve as verbas por duas vezes em 2013, o que causou o atraso.

Os estudantes sugeriram criar um fundo de emergência, mas não temos como fazer isso, pois todos os nossos gastos precisam ser justificados. Sobre o restaurante, detalhei todo o processo político que levou o IFSC a receber uma emenda de R$ 50 milhões da bancada catarinense na Câmara dos Deputados. Esse valor ainda pode – e deve – ser revisto, mas conseguimos essa vitória após um árduo trabalho político, que inclui obras em praticamente todos os câmpus.

Outro tema debatido foi a contratação de professores. O pró-reitor de Desenvolvimento Institucional, Andrei Zwetsch Cavalheiro, que também participou dessa parte da discussão, explicou como a legislação – necessária, porém burocrática – pode atrasar o início do trabalho do docente.

Tentamos agilizar o máximo, mas toda essa dinâmica de concursos e remoção é muito complexa, pois há questões que não há como prever. No penúltimo concurso realizado pelo IFSC, por exemplo, nenhum candidato foi aprovado para o cargo de professor para o curso de Engenharia Elétrica.

Sobre as obras no câmpus, pedi paciência aos estudante. Sabemos que há obras que poderiam ser feitas na metade do tempo se a gente pudesse suspender aulas ou o ingresso de novos alunos. Mas não podemos.

reuniao_alunos_fpolis_2Fiquei bem feliz, pois nem só de cobranças foi o encontro. Os alunos também propuseram ideias para ajudar a divulgar a qualidade de ensino do IFSC. Uma das propostas foi de que os centros acadêmicos visitem escolas para divulgar os cursos e as vantagens de se estudar em um Instituto Federal. Isso é muito bom! Sabemos que – até pela nossa mudança de nome – muitos ainda não nos conhecem. E a melhor propaganda que podemos ter é o boca-a-boca dos nossos próprios alunos que se orgulham de estudar no IFSC.

Esses encontros com alunos são sempre bons para que possamos esclarecer nosso funcionamento, até para mostrar que nem sempre as coisas funcionam na rapidez que gostaríamos por questões burocráticas mesmo do próprio serviço público. Mas saio contente ao ver que, mesmo com alguns problemas, os estudantes estão satisfeitos com nosso ensino. Afinal, é pelos alunos que estamos aqui!

Pensando nisso, vamos promover no ano que vem um encontro de todos os grêmios estudantis e centros acadêmicos do IFSC. Em fevereiro, já queremos nos reunir com os representantes dos câmpus para organizar esse evento.

Tive ainda uma reunião na quinta com os pró-reitores, diretores, chefes de departamentos e assessores da Reitoria para fazer um balanço do ano e também verificar as mudanças necessárias para que tenhamos uma gestão mais articulada. Nesse sentido, ficou decidido que, em 2014, teremos um fórum de diretores e chefes de departamentos sistêmicos.

Outros assuntos:

  • Sinasefe: Como eu tinha comentado, na última sexta, me reuni com representantes do Sinasefe-SC. Retomamos alguns pontos da pauta interna de reivindicações dos servidores, feita durante a greve de 2012. Tratamos, principalmente, da regulamentação de professor titular, de RSC e do trabalho da comissão sobre a flexibilização de jornada no IFSC, que deve propor melhorias nesse sentido. Esperamos que no ano que vem possamos trabalhar juntos novamente, pensando sempre no melhor para o servidor e para a instituição.
  • aula_proejaEspecialização Proeja: Estive presente, na segunda à noite, na aula inaugural do curso de especialização em Educação Profissional Integrada com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos – Proeja, oferecido pelo IFSC em cinco cidades por meio da educação a distância. A aula inaugural ocorreu no Câmpus Palhoça-Bilíngue e teve transmissão por videoconferência para os câmpus Canoinhas, Criciúma, Lages e São Miguel do Oeste. Esse dia foi um marco, pois representou o reinício da oferta da especialização em Proeja, agora na educação a distância, para que fortaleçamos tanto o Proeja como a EaD.
  • Porto Belo: Me reuni nesta semana com o prefeito de Portobelo, Evaldo José Guerreiro Filho, para tratarmos da possibilidade de oferta de mais cursos na região. À noite, o prefeito acompanhou a formatura dos alunos de um curso do Pronatec que tivemos na cidade. A solenidade foi realizada no auditório da Reitoria do IFSC.
  • SONY DSC5 anos do IFSC: No dia 29 de dezembro, fará 5 anos que o CEFET-SC se transformou em IFSC, num movimento nacional com a criação da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Na semana que vem, escreverei mais sobre isso. Mas nesta sexta, para marcar esse data – já que na próxima semana muitos servidores farão recesso – tivemos um bolo na Reitoria. Aproveitei para comemorar com os servidores o meu aniversário, que será no dia 25.

Hoje à noite, ainda tenho a formatura do curso técnico integrado em Telecomunicações e do curso técnico integrado em Refrigeração e Climatização do Câmpus São José.

Divulgamos hoje também o listão de aprovados nos nossos cursos técnicos e de graduação. Parabéns aos nossos futuros alunos! Para quem não passou, não desanimem. Temos vagas cartaodenatal2013remanescentes para cursos técnicos e ainda a seleção para cursos de graduação pela nota do Enem. Confiram no nosso Portal do Ingresso!

Na semana que vem, quero escrever um post com um balanço do ano. Como será só depois do Natal, desejo a todos um ótimo Natal! Compartilho aqui um cartão especial do IFSC.

Até a próxima semana!

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *