Seminários internos e viagens

Olá!

Nesta semana, tive atividades em Florianópolis e em outras cidades do nosso Estado. Logo na segunda-feira, dando continuidade à nossa Reitoria Itinerante, fui a Araranguá para conversar com os servidores e alunos. O encontro seguiu a linha dos que já tínhamos tido na semana passada nos câmpus Joinville e Canoinhas.

Abordamos assuntos como a expansão, a inclusão do IFSC no programa bolsa formação, o Pronatec, a carreira, o concurso e a necessidade da participação nos colegiados. Iniciamos com uma reunião ampla com alunos e servidores. Destaquei a importância da representação estudantil para os alunos e para a instituição. Da mesma forma, tivemos ainda uma reunião apenas com a equipe gestora do câmpus em que tratamos outras questões específicas de Araranguá. A obra do bloco 6 está um pouco atrasada, mas acredito que ficará pronta em maio. Já a construção dos blocos 4 e 5 estão em fase inicial.

Na nossa proposta de trabalhar em Rede, conhecer a realidade de cada câmpus a todo momento é importante para buscarmos a unidade nesta diversidade que temos. Por isso, essas visitas aos câmpus são esclarecedoras para todos e muito enriquecedoras.

Câmpus Tubarão

blog_assinaturaNa terça-feira, eu e o diretor de Expansão, Caio Monti, nos reunimos com o prefeito de Tubarão, Olavio Falchetti, para a assinatura do termo de compromisso entre nossas instituições no que diz respeito à implantação do câmpus na cidade. Estabelecemos que a prefeitura será responsável por fazer a sondagem e a limpeza do terreno. Nós nos comprometemos a lançar o edital de licitação para a construção do primeiro prédio até maio. A previsão é que a licitação leve cerca de 60 dias e as obras iniciem no segundo semestre de 2013.

Estivemos, ainda na terça-feira, no Câmpus Garopaba, para uma reunião com a direção-geral, principalmente para tratar das especificidades e necessidades. Visitamos a obra, mas infelizmente a chuva atrapalhou um pouco. Fiquei muito feliz com as visitas e com a interação com alunos e servidores. Esses momentos são muito importantes e gratificantes.

Política de Comunicação

Quero compartilhar com vocês a importância desse movimento que já começou no ano passado e que finalmente trazemos a público: o IFSC terá uma política de comunicação. Na quarta-feira, tivemos um seminário em Florianópolis que reuniu servidores de todos os câmpus e de todas as pró-reitorias e que teve como objetivo lançar oficialmente o processo de construção da Política de Comunicação do IFSC.

SONY DSCEssa política é um processo articulado de definição de diretrizes para orientar o desenvolvimento de ações, estratégias e produtos de comunicação tendo em vista o nosso relacionamento com os nossos diversos públicos de interesse. É importante destacar que este processo não envolve apenas servidores. Vamos precisar da ajuda de alunos, ex-alunos, familiares, parceiros, imprensa e de quem mais quiser contribuir para que tenhamos uma comunicação melhor.

Para isso, criamos um ambiente virtual para a construção coletiva dessa Política. Esse blog pode e deve ser acessado por todos no endereço http://politicadecomunicacao.ifsc.edu.br/. Ele é um canal para divulgarmos esse processo, passarmos informação sobre como está o andamento e receber contribuições. Entrem e participem!

A Política de Comunicação trará benefícios para todo mundo. Mais do que fazer um bom trabalho para a instituição, esperamos que esse processo resulte de maneira positiva para as pessoas, refletindo a nossa identidade numa formato de diversidade dentro de uma só unidade.

Licitações e Contratos

sem_blogNesta quinta e sexta, nossos servidores estão envolvidos com um outro evento que é o Seminário de Licitações, Contratos e Convênios do IFSC em que estamos compartilhando conhecimento, discutindo ideias e aprimorando os processos. Participei da abertura em que destaquei a importância dessa área para as atividades fim da instituição, que temos que cumprir a legislação e também foi destacada a importância do planejamento para que possamos atender da melhor forma nossos alunos.

O uso do dinheiro público tem que ser feito de forma responsável, por isso é importante termos muita clareza de todos os processos. Tivemos a participação de convidados que tornaram o evento ainda mais rico, esclarecendo dúvidas e debatendo com nossos servidores. Cito aqui a Fabiane Lopes Bueno Netto Bessa da Escola de Administração Fazendária (Esaf), o professor Pedro Antônio Melo da UFSC e o nosso procurador Rogério Filomeno.

Comemoração

SONY DSCNa noite de ontem também estive no comemoração dos 25 anos do Câmpus São José, nosso segundo câmpus e que iniciou todo nosso processo de expansão. É incrível ver quanta transformação já foi feita pela presença do nosso câmpus em São José. Agradeço e parabenizo os servidores, ex-alunos e alunos desse câmpus pelo comprometimento e por representarem tão bem o nosso instituto. Tivemos a nossa orquestra e nosso coral abrilhantando o evento e também homenagens aos ex-diretores. Parabéns ao Câmpus São José, ao diretor Nicanor e a toda a equipe pelo lindo momento!

Concurso Público

E neste domingo temos o nosso concurso público tão esperado pelos candidatos e tão planejado por nós. Teremos mais de 21 mil candidatos prestando a prova objetiva em sete cidades. Mais uma vez, quero agradecer a todos os servidores envolvidos nesse processo, que estão desde o ano passado trabalhando intensamente para permitir que tenhamos em breve novos colegas que, com certeza, vão ajudar a fazermos um melhor trabalho. Obrigada também a todos que vão atuar como fiscais no domingo. Aos candidatos, deixo meu desejo de boa prova!

Até a próxima semana!

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Post. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.