Progressão e premiação

Olá!

Quero iniciar a mensagem da semana escrevendo sobre um tema que tem angustiado nossos docentes que é a progressão. A Diretoria de Gestão de Pessoas do IFSC está trabalhando intensamente para ajustar todas as progressões conforme regulamentado no decreto 7.806/2012. Estamos fazendo um grande esforço interno para viabilizar o pagamento dos retroativos referentes ao ano de 2012, na folha de dezembro ainda.

Nosso foco tem sido as progressões de DI para DIII, que tem um retroativo significativo, e também as de DIV para DV, que ficaram congeladas e foram retomadas em maio. As progressões serão retroativas à data do pagamento da Retribuição por Titulação.

Temos limitações orçamentárias e estamos estudando como fazer os pagamentos legalmente. Inclusive, nossa análise envolve o pagamento da progressão retroativa aos anos anteriores a 2012, que somente podem ser viabilizadas com restos a pagar por meio de requerimento próprio. Assim que tivermos essa definição, informaremos aos servidores como proceder para solicitar o pagamento.

Premiação

Estive na terça-feira em Rio Grande para receber a condecoração “Amigo da Marinha” do Comando do 5º Distrito Naval. O prêmio é dado em reconhecimento aos serviços prestados à Marinha.

Fiquei muita honrada em receber a medalha pelo IFSC e dedico essa grande honraria a todos os nossos servidores e alunos. Acredito que a nossa indicação tenha sido feita em função da parceria que nosso Instituto tem feito com a Marinha, principalmente em Itajaí. Nossa intenção é intensificar ainda mais essa relação!

Em outubro deste ano, inclusive, o Governo Federal firmou um acordo de certificação com a Marinha. Com isso, instituições como a nossa poderão oferecer cursos para os marinheiros – o que antes era feito apenas pela própria corporação. E creio que essa proximidade só tem a beneficiar ambas as instituições.

Outros assuntos:

  • Didascálico e Olimpíadas: Esta semana tivemos mais uma edição do Didascálico, a Mostra de Arte e Cultura do IFSC, e das Olimpíada do Campus Florianópolis. Estive na cerimônia de abertura na segunda-feira e é muito bom ver esses eventos se consolidando por meio do trabalho de muitos servidores do IFSC. Em relação ao Didascálico, queremos estruturar melhor essas atividades e dar mais apoio institucional a iniciativas na área artística, tornando o coral, a orquestra e o grupo de teatro programas institucionais. Dessa forma, queremos que os alunos e os servidores tenham uma melhor infraestrutura a sua disposição e possam contar com maior apoio logístico da instituição para realização das suas atividades.
  • Colégio de Dirigentes: Na segunda-feira, tivemos mais uma reunião com os diretores-gerais para fechar as vagas que serão oferecidas no nosso próximo concurso público e para definir a distribuição das funções gratificadas e cargos de direção que recebemos do Ministério da Educação. O IFSC recebeu ao todo 17 novos cargos de direção e 96 funções gratificadas. Esse número ainda é insuficiente para dar conta de todas as necessidades do Instituto, mas já ajudarão a minimizar algumas fragilidades, de maneira que vamos fazer uma distribuição emergencial para atender, principalmente, os campus do plano de expansão II. Sobre o concurso, iremos fazer o maior concurso público da nossa história, com 313 vagas para docentes e técnico-administrativos. Estamos com tudo pronto para lançar o edital, mas dependemos da publicação de uma portaria pelo MEC oficializando a liberação dos códigos de vagas. Nossa expectativa é que isso ocorra na próxima semana.
  • Mulheres Mil: Na terça-feira, participei da abertura do I Seminário Catarinense do Programa Mulheres Mil, um belo programa de inclusão do Governo Federal que, no IFSC, é articulado por meio da Pró-reitoria de Extensão e Relações Externas e está em andamento nos campi São Miguel do Oeste, Gaspar, Jaraguá do Sul, Araranguá, Joinville e Canoinhas. O evento contou com servidores do IFSC e do Instituto Federal Catarinense. Vejo que nosso desafio é institucionalizar o programa e vamos trabalhar para a consolidação do programa na nossa instituição e para que ele vá além dos nossos institutos.
  • Procuradores Federais: E na quarta-feira participei da solenidade de abertura do Congresso Nacional dos Procuradores Federais realizado aqui em Florianópolis. Foi importante para entender melhor o contexto do trabalho desses profissionais que devem ser vistos como parceiros da nossa instituição. Aqui no IFSC, temos dois procuradores que nos dão segurança jurídica para a execução das políticas públicas.
  • Reunião no Campus Florianópolis: Participei na terça pela manhã da reunião dos gestores do campus. Estive lá para esclarecer diversos encaminhamentos feitos, reforçando nossa necessidade de trabalhar em uma rede de colaboração e solidariedade para que nossos processos sejam fortalecidos e efetivados. Ressalto aqui nossa evolução em relação a execução orçamentária do IFSC. Sei que ainda temos muito a melhorar, o que será obtido com o esforço de todos os câmpus nesse processo coletivo.

E quero finalizar lembrando que as inscrições para nossos cursos técnicos e de graduação foram prorrogadas para segunda-feira, dia 12 de novembro, já que nosso sistema de inscrições ficará fora do ar no sábado por uma manutenção externa. Quem ainda não se inscreveu, tem poucos dias! E se você conhece alguém que possa se interessar, ajude a divulgar nosso processo seletivo. Confira as vagas disponíveis no nosso site www.ifsc.edu.br.

Sobre Maria Clara

Maria Clara é professora do IFSC desde 1990, atuando no Câmpus Florianópolis. Tem graduação em Matemática e mestrado e doutorado em Engenharia de Produção, todos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi diretora de Pós-graduação e Pesquisa (2006-2008) e pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (2009-2011) do Instituto Federal antes de tornar-se a primeira reitora eleita da instituição – anteriormente a 2008, quando o Cefet-SC tornou-se IFSC, o cargo máximo era o de diretor-geral. Além de gestora do IFSC, a reitora acumula experiências como membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e da Comissão Nacional de Avaliação da Iniciação Científica e Tecnológica (Conaic) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É integrante do Conselho de Governança da Fiesc, representando o Ministério da Educação (MEC).
Esta entrada foi publicada em Alunos, Gestão, Servidores e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.